Microsoft Edge enfim chega para Linux em 2020

Microsoft Edge Linux

A chegada do navegador Microsoft Edge no Linux era questão de tempo, pois o mesmo quando teve o seu desenvolvimento começado em 2018, era usado como base o Chromium (que é compatível com o Linux) e assim só faltava alguns ajustes da Microsoft para o Linux, parece que já foram feitos. Parece que o ano de 2020 vai ser um ano bem “”atípico””, e essa notícia podemos ver isso se concretizar 😁.

E a suspeita de que teríamos uma versão para Linux do navegador foi confirmada um ano depois na conferência da MS, a Ignite de 2019 1, que em 2020 a versão de Linux chegaria no seu canal de testes (chamado de Preview).

Mas antes da chegada do Edge, outro produto da MS estreou no mundo do Pinguim, foi o MS Teams. No ano passado (2019), fiz algumas postagens falando sobre a chegada do Microsoft Teams e como ele poderia ser uma termômetro para a empresa em como os seus produtos seria visto pela comunidade, além do Skype, e que poderia acarretar na chegada de mais produtos da empresa de Redmond, como o OneDrive e o MS Office de formas nativas, por exemplo.

“When it’s available, Linux users can go to the Microsoft Edge Insiders 5 site to download the preview channel, or they can download it from the native Linux package manager. And just like other platforms, we always appreciate feedback—it’s the best way to serve our customers.”

Quando estiver disponível, os usuários do Linux podem acessar o site do Microsoft Edge Insiders 5 para baixar do canal preview ou podem fazer o download através do gerenciador de pacotes nativo do Linux. E, assim como outras plataformas, sempre apreciamos feedback – é a melhor maneira de atender nossos clientes.

Sobre quais formatos e quais distros serão suportadas, a Edge Product Development da Microsft, Missy Quarry, falou que na primeira etapa as distros contempladas serão Ubuntu, Debian, Fedora e OpenSUSE tendo os formatos .deb e .rpm como empacotamentos oficiais.

Fiz um vídeo comentando sobre essa noticia e que serve como um complemento para esse texto.

Para conferir o post completo do anuncio, que contém outras novidades, você pode acessá-lo aqui.

Para mim, isso só mostra que a MS está disposta a quebrar certos “tabus” e colocar os seus produtos e serviços no máximo de sistema possíveis, e o Linux é um deles, que vem ajudando ela em outros projetos, como o Azure por exemplo. Creio também que o último passo dela será em trazer o OneDrive e o Office, assim deixando toda a sua plataforma disponível no máximo de lugares possíveis.

Parece que mais uma previsão acertada hein galera 😁 😂 .

Nos vemos no próximo post, forte abraço!

1 Trackback / Pingback

  1. Microsoft Edge recebe finalmente sua versão para Linux em 2020

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*