Novo logo do Fedora e as sua polemica

Máirín Duff faz parte da equipe de design do Fedora e é umas das principais designers senior que tem interação com a Red Hat. Recentemente em seu blog, ela comentou que em uma das reuniões feitas com a equipe de design do Fedora em 2018, com presença do líder do projeto, Matthew Miller, foi discutido uma atualização do logo da distribuição em 2019.

Como ela menciona no seu blog, uma mudança na logomarca do projeto poderia ser uma grande mudança e teria um alcance muito amplo, afetando em grande parte todo o projeto. Ainda segundo ela, uma mudança dessa grandeza não poderia ser “leve” e que também não é a primeira vez que mudam o logo do projeto.

Ainda na sua postagem, ela diz que a logomarca vem se transformando ao longo dos últimos 16 anos (2003 a 2019) sempre tentando achar uma identidade visual que se encaixasse com a filosofia da comunidade Fedora. Mas tinha um “probleminha” segundo ela, o logo do Fedora atualmente não funciona de maneira alguma em uma única cor e isso estaria causando problemas técnicos na hora de distribuir o material de divulgação, como a impressão de panfletos por exemplo, segundo ela. Um trecho que ela comenta isso.

“Isso torna impossível uma versão de cor única do logotipo. (Nota: uma única cor significa uma cor, não vários tons .) Isso nos causou vários problemas ao longo dos anos, desde a impressão com o logotipo completo quando os fornecedores só permitiam uma única cor em itens específicos (nestes casos, nós usamos apenas o wordmark ‘fedora’ e temos que eliminar o bubblemark infinito, ou pagar muito mais para ter impressões coloridas e variadas)…”

Outro ponto que ela levanta é que atualmente o logo não funciona bem em fundos escuros e com a cor azul, o que ela chama de “o brilho do logotipo”. Ela ainda enfatiza que quando a logo do Fedora é modificada deste jeito, adicionando a fundos escuros, brilhos e mais um monte de modificação, segundo ela é “Isso é contra as diretrizes de uso do logotipo, a propósito. Adiciona um elemento adicional não padronizado ao logotipo e altera a aparência e o caráter da logo. “
Aqui vemos alguns exemplos de imagens que ela pesquisou usando o termo “fedora wallpaper”,os quais exemplificam o caso que ela mencionou.

Polêmica

Como podem perceber, o “F” branco em um fundo azul também é utilizado pelo Facebook e isso vem gerando uma polêmica grande dentro da comunidade Fedora, onde uns gostaram e outros não. E isso ela também relata no seu post.

O Fedora foi iniciado em 2003 e o Facebook em 2004. A logo do Fedora foi desenvolvida em 2005 e nessa data a rede social do Mark Zuckerberg ainda era limitada para universidades que eram selecionadas.

MÁIRÍN não sabe precisar quando que a logo do Facebook começou a ser adotada como conhecemos hoje em dia, com o “f” minúsculo branco no quadrado em um fundo azul, mas os relatos dos embaixadores do Fedora, estimam que começou entre 2009 e 2010, com a popularização dos tablets e smartphones.

Com isso, eles decidiram dar uma reformulada no logo do Fedora, e estão pedindo a ajuda da comunidade em geral para votar entre 2 candidatos e escolher a nova cara do Fedora para os próximos anos.

Os candidatos são:

Candidato 1

Este projeto ainda tem uma imperfeição que inclui uma marca de bolha, que vem com todas as dores de cabeça de alinhamento de que falamos. No entanto, sua relativa posição ao logotipo é alterada para um layout mais típico (marca à esquerda, um pouco maior do que é agora) e esse design permite que a marca seja usada sem a bolha (“mark sans bubble”) em certas aplicações. Ambas as variantes da marca são capazes de funcionar com apenas uma cor.
A fonte é uma versão modificada do Comfortaa que foi alterada manualmente e tem um ‘a’ modificado para diminuir a confusão com ‘o’.

Como o principal objetivo aqui foi realmente ter um toque leve para resolver os problemas que temos, você pode ver que os itens como o logotipo “remix” do Fedora e sub logos são apenas levemente afetados: o texto do logotipo ‘remix’ é alterado para Comfortaa, e o ‘fedora’ do logotexto em todos os sub logos é atualizado.

“Este candidato, acredito, representa a menor quantidade de mudanças que aborda a maioria dos problemas que identificamos”, comenta a designer

Candidato2

Como o candidato 1, a fonte é uma versão modificada do Comfortaa que é manipulada manualmente e tem um “a” modificado para diminuir a confusão com o “o”. A proporção do tamanho entre as duas marcas do loop infinito foi modificada, além disso foi eliminada completamente a bolha na versão principal do logotipo. No entanto, como uma alternativa possível, poderíamos oferecer nas diretrizes do logotipo a capacidade de aplicar essa marca do loop infinito em diferentes formas.Como com o candidato # 1, o principal objetivo aqui foi realmente um toque leve para resolver os problemas que temos, você pode ver que itens como o logotipo remix do Fedora e sub logos são apenas levemente afetados: o texto do logotipo ‘remix’ é alterado para Comfortaa, e o texto ‘fedora’ em todos os sub logos é atualizado. Este candidato a logotipo é a que mais se desvia do nosso logotipo atual do que o candidato # 1. No entanto, é um pouco mais próximo do design dos vários ícones que temos para as edições do Fedora (servidor, atômica, estação de trabalho), pois é uma marca que não depende do contraste com outra forma, é uma forma de ser livre e se mantém independente a fundo.

MÁIRÍN comenta que o artigo exemplificando os logos não faz parte de uma votação propriamente dita, a exposição deles serve para colher um feedback da comunidade, pedindo para que caso hajam sugestões para modificações, que elas sejam enviadas, explicando os motivos.

Para você ler o post dela na íntegra e ver todos os detalhes técnicos e ainda poder dar o feedback, acesse ele aqui.
Espero você em um próximo post, forte abraço.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*